Claustro.jpg

Cisterciensium Patrum

Textos de espiritualidade cisterciense

 

O fogo do amor

Se escutarmos atentamente a Palavra de Deus, e a entendermos, elevar-se-á como que um fogo dentro de nós, e já não pensaremos em nada mais

Deus de Deus, luz da luz

Lançai vosso olhar para a luz eterna que se atenuou, para que aquele que habita em luz inacessível fosse visível à vossa fraca visão.

O seio da Virgem

Quem poderia duvidar que seja transformado em ardor da caridade o seio de Maria em que, durante nove meses,

Comei, amigos! Bebei, inebriai-vos!

Comei, amigos! Já não digo “os pobres comerão, e serão saciados”, mas “comei, amigos, e inebriai-vos!”

Amar sem medida

A razão de amar a Deus é o próprio Deus. A medida de amá-lo é amá-lo sem medida.

1
2