• Abadia Nossa Senhora da Assunção

O amor de Cristo é a morte da morte


Forte é a morte, que nos pode tirar os dons da vida. Forte é o amor, que nos pode restituir uma vida melhor. Forte é a morte, que tem o poder de nos espoliar dos despojos deste corpo. Forte é o amor, que tem o poder de destruir os espólios da morte, e nos consolar. Forte é o a morte, diante da qual o homem não pode resistir. Forte é o amor, que sobre a mesma pode triunfar, seu aguilhão golpear, seus laços relaxar, sua vitória confundir. É então que será insultada, dizendo-se: “Onde está, ó morte, o teu aguilhão? Onde está, ó morte, a tua vitória? O amor é forte como a morte, pois o amor de Cristo é a morte da morte. Por isso ele diz: “Ó morte, serei a tua morte! Serei a tua ruína, ó inferno!”

Balduíno de Ford, Tratado X


Fortis est mors, quae nos munere vitae valet destituere. Fortis est dilectio, quae ad usum melioris vitae valet restituere. Fortis est mors, quae nos exuviis huius corporis potens est spoliare. Fortis est dilectio, quae mortis spolia potens est diripere, nobisque resignare. Fortis est mors, cui non valet omnis homo resistere. Fortis est dilectio, ut ipsam valeat triumphare, aculeum eius obtundere, contentionem sedare, victoriam confundere. Erit enim quando insultabitur, quando dicetur: Ubi est mors aculeus tuus? Ubi est mors contentio tua?

Fortis est ut mors dilectio, quia mors mortis est Christi dilectio.

Propter quod dicit: Ero mors tua, o mors; morsus tuus ero, inferne.


Balduinus Fordensis, Tractatus X

8 visualizações
 

(14) 3848-1102

Av. São Bernardo, Itatinga - SP, 18690-000, Brasil

  • Google Places
  • Facebook
  • YouTube

©2020 por Abadia de Nossa Senhora da Assunção de Hardehausen-Itatinga.